Quote of the day

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

In love

Eu sei que eu tenho o outro blog pra falar de relacionamentos, mas meus leitores de lá ficam meio indignados com muita felcidade amorosa, então vou falar aqui mesmo.

Estou apaixonada. E é tão bom sentir isso de novo! Sabe do que eu mais tinha agonia em não estar gostando de alguém? Era quando eu ouvia uma música romântica e não me identificava com a letra. E nem tinha vontade de chorar e nem de sorrir, lembrando do amor.

Esses dias eu deitei de bruços na cama com meu namorado e ficamos viajando. Perguntei pra ele se ele fazia o oito com duas bolinhas. Ele disse que não e desenhou imaginariamente no colchão o oito que ele fazia. E falamos de outros números. E passamos para as letras - maiúsculas e minúsculas. Uma besteirada sem fim!

Até assistimos Super Nanny juntos, sábado. E devaneamos sobre como agiríamos se nossos filhos fossem encapetados de tal forma.

Também tem a parte constrangedora, que é conhecer aquele tio mala-sem-alça que não perde a oportunidade de deixar seus cabelos em pé com frases do tipo "cadê a loira que vc trouxe aqui semana passada?" ou ter que conviver com a mania de super-proteção da mãe, que te tira dos eixos, por vezes, e tentar enfiar na sua cabeça que não é nada pessoal!

Competição faz parte do cotidiano também. As palavras "duvido" e "quer apostar" surgem com frequência. Começamos a jogar novos games, como Twister, um tal de "Fodinha", outros. No truco de baralho vazio, sou eu. No de baralho cheio, é ele. Sem contar no jogo da sedução, que já é de praxe, mas que às vezes tem o clima quebrado por frases do tipo "amor, tem um feijão no seu dente", e você então descobre que junto com o amor, vem a intimidade.

E ele chega na minha casa, me expulsa do computador e joga "Colheita Feliz". E ele pega todas as coisas dele e enfia dentro da minha bolsa. E ele sobe as escadas da minha casa, na minha frente. E eu ando descalça na casa dele. E eu brinco com o cachorro dele. E nós deitamos juntos no sofá pra assistir Kyle XY. E ele faz massagem em mim o tempo todo. E eu faço cafuné nele todo o tempo.
E quase o tempo todo somos um só. Um do outro.

Amar é bom demais!

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Retrospectiva 2010. An??

Olá people!
2010 mal começou e o ano tá bombando! Priimeiro eu pensei naquilo tudo de que aqui no Brasil nada funciona antes do carnaval e especialmente em Brasília janeiro e fevereiro são meses mortos!

Depois eu parei pra pensar no noticiário e em quanto não parei de correr pra lá e pra cá - embora ainda assim tenha bastante tempo ocioso! - desde que o ano começou.
Infelizmente mais coisas ruins do que boas têm rolado pelo globo! O Haiti foi devastado por terremotos absurdos, iniciou-se uma guerra interna por comida, bebida e saúde e ainda tem gente por aí dizendo bobagens do tipo "o Brasil já tem muitos problemas para ficar pensando em ajudar os outros" [né Dona Sandy??]. Olho por olho, dente por dente, o mundo acabará cego, como diria alguma sorte do orkut - algumas vezes ele acerta sim! Ignorância sem fim!

E falando em ignorância, lá vem os preconceituosos com suas bandeiras de tradição levantadas quando descobriram que tinha um gay dentre os militares. Fizeram uma enquete com a população brasileira e dentro os 14 mil que responderam, 54% é contra a presença de homossexuais no exército. Agora, me diz: se um hetero trabalhar no meio de um bando de mulher, significa necessariamente que ele irá assediá-las? Desde quando orientação sexual se tornou critério empregatício? Isso afeta a minha capacidade, meu talento ou minhas habilidades como profissional? Parem de tratar a homossexualidade como doença! Como se todos os gays fossem pervertidos descontrolados e como se o cara do exército fosse atacar todos os soldados no vestiário! #Façameofavor!

Sobre os escândalos políticos que assolaram meu cerrado amado nos últimos dias, nem é preciso entrar em detalhes. Ontem mais um laranja abriu a boca e mais uma denúncia nas costinhas do Titio Arruda. E domingo haverá passeata às 9h da manhã a favor do impeachment deste. É o Bloco de Carnaval Fora Arruda.

Hoje ainda é dia 05 de fevereiro. Ainda temos Copa do Mundo e Eleições. O que será que vai acontecer?